Pequenos inventores da Escola 28 fecha o ano com várias conquistas em Feiras de Ciências e Tecnologia pelo Brasil

0
44

Muito gratificantes fechar o ano acumulando prêmios e com a agenda cheia para o próximo, com grandes possibilidades de mais premiações e de enaltecer o nome de sua cidade e do Estado, isso deixa com o sentimento de dever cumprido, é assim que a equipe dos Pequenos Inventores da Escola 28 de Novembro  de Ouro Preto do Oeste, finda este ano de 2016.

A equipe com o Projeto “Triturador de Para-Brisa”, (invento de um robô protótipo, que pode triturar para-brisas separando a película (PVB) das duas camadas de vidro, possibilitando a reciclagem de ambos, e evitando assim que cerca de 18 toneladas desses resíduos poluam o meio ambiente dos município, uma vez que o vidro leva tempo indeterminado para se decompor e o PBV em torno de 500 anos), conquistaram títulos e reconhecimento por todas as Feiras de Ciências e Tecnologias que participaram neste ano, pelo país.

Trajetória:
A prof.ª orientadora do projeto, Maria das Graças Lopes e a prof.ª co-orientadora, Maria Helena de Souza e os alunos inventores, Francis Nepomuceno Sousa Junior, 8°A (13 anos),  Ester Icidici Leal Furtado, 7°A (12 anos), e Maurilio da S. Lenk Junior, 7°A (12 anos), do Ensino Fundamental, após a participação na II FEROCIT/2015  em Porto Velho/RO, receberam a importante missão de representar Ouro preto do Oeste  e o Estado de Rondônia na Expo MILSET BRASIL  2016 (Movimento Internacional para o Recreio Cientifico) em Fortaleza/CE, em maio/2016, concorrendo com vários outros projetos científicos, nacionais e internacionais.

Com a brilhante participação, os pequenos inventores foram premiados com o 1º lugar em sua categoria e Tema, conquistaram o direito de participarem da FENECIT (Feira Nordestina de Ciências e Tecnologia) em Recife/PE, no mês de setembro/2016 e o prêmio no ranking geral, que deu direito para participar da MOSTRATEC Júnior (Mostra de Trabalhos do Ensino Fundamental realizada pela Fundação Liberato, na cidade de Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil, integrada à Mostratec), em outubro/2016, ambas de nível nacional e internacional.

Agenda 2017, direitos conquistados:
Na FENECIT a equipe ganhou como prêmio a credencial para representar Rondônia na EXPOCETI, em São Lourenço da Mata/PE, em junho de 2017 e pela MOSTRATEC Júnior, a equipe subiu ao pódio por três vezes, sendo a primeira para receber a credencial para participar do 8º MOCINN (Movimento Científico Norte e Nordeste) que acontecerá em Imperatriz/MA no mês de setembro de 2017; o prêmio em medalhas de 11º lugar no ranking dos 220 projetos participantes, e o Kit de “Como Organizar uma Feira de Ciências”.

Objetivo do Projeto:
Os pequenos inventores vêm mostrando nas referida feiras, que o robô protótipo criado por eles, pode triturar para-brisas separando a película (PVB) das duas camadas de vidro possibilitando a reciclagem de ambos, evitando que aproximadamente 18 toneladas desses resíduos poluam o meio ambiente dos municípios onde moram, já que o vidro leva tempo indeterminado (cerca de 1.500 anos para se decompor) e o PBV em torno de 500 anos.

Agradecimentos:
Marcar presença em cada uma dessas feiras não foi tarefa fácil, a equipe só conseguiu graças ao apoio e a colaboração da escola e de várias pessoas. Nesta oportunidade a Equipe do Projeto “Triturador de Para-Brisa” vem a público agradecer a todos que de uma forma direta ou indireta, contribuíram para que os mesmos pudessem se deslocar de Ouro Preto do Oeste/RO nos meses de maio, setembro e outubro/2016, para elevar o nome da E.E.E.F. M. 28 de Novembro, do Município de Ouro Preto do Oeste e do Estado de RO em nível Nacional.

*Em especial agradecem a contribuição de toda a Equipe da Escola 28 de Novembro, da Direção da Escola Fernando de Azevedo, do Dr. Haruo, através da 1ª Vara Criminal/OPO, da Dra. Ana Carla e equipe da Vara do Trabalho/OPO, da ACIOP, dos funcionários do Banco do Brasil e do Bradesco, de profissionais Liberais da saúde e da OAB, de alguns comerciantes Locais, da CRE/OPO/SEDUC, dos pais e familiares dos alunos e da imprensa em geral.

Aproveitando o ensejo, toda a equipe do Projeto “Triturador de Para-Brisa”, deseja a todos um 2017 cheio de bênçãos e vitórias a todos que passaram a fazer parte desta brilhante história.

Ponto de vista do jornalista:
Esperamos que para o ano de 2017 nossos governantes dos eixos, estadual e municipal, deem um pouco mais de atenção e importância os nossos pequenos gênios e os tratem com mais responsabilidades, ao menos, que seja colocado em seus orçamentos às previsões necessárias e orçamentárias para atender a todos, já que estes projetos que são escolares, “ou retire da grade”, assim evitariam o constrangimento de nossos pequenos e professores, terem que mendigar pelos comércios e órgãos públicos da cidade em busca de alternativas para seguirem viagens, e não frustrarem os sonhos de seus alunos, sonhos estes, que também elevam o nome do município e do estado, a nível nacional.

 Por: Wellington Gomes
Esporteenoticia.com

SEM COMENTÁRIO